Oferta e procura de emprego

Fórum de partilha de informação acerca das áreas de Saúde, Educação e Ciências Sociais


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Procedimento concursal - técnico superior - UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA Reitoria

Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Socializ


Convidado
UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA
Reitoria

Aviso n.º 21548/2009
Procedimento concursal de recrutamento para o preenchimento
de um posto de trabalho de técnico superior da carreira geral
de técnico superior, conforme caracterização no mapa
de pessoal.


1 — Local de trabalho: Reitoria da Universidade Técnica de Lisboa.
2 — Caracterização do posto de trabalho, em conformidade com o
estabelecido no Mapa de Pessoal aprovado para 2009:
a) Acompanhamento das acções de mobilidade estudantil, nomeadamente
em processos de internacionalização;
b) Concepção e implementação de modelos de integração sociocultural
de investigadores e estudantes estrangeiros e nacionais não enquadráveis
no quadro de acção social vigente;
c) Definição de metodologias a seguir nos diferentes tipos de apoio
social que melhor se adeqúem, quer às necessidades detectadas quer às
solicitações apresentadas;
d) Recolha, divulgação e domínio da legislação e normativos nacionais
e regulamentos e directivas comunitárias, e da União Europeia, relativos
a direitos de autor e propriedade intelectual;
e) Desenvolvimento e acompanhamento de contratos de apoio processual
à exploração das capacidades científicas e técnicas dos investigadores;
f) Desenvolvimento e elaboração de candidaturas a projectos de investigação
e cooperação, nomeadamente no âmbito do QREN;
g) Desenvolvimento e implementação de parcerias estratégicas com
instituições de investigação, nacionais e estrangeiras;
h) Possuir bons conhecimentos na área de inovação e empreendedorismo;
i) Promoção e acompanhamento das parcerias de I&DT&I com empresas;
j) Conhecimentos na área de gestão de “BackOffice” e gestão de
conteúdos;
k) Possuir bons conhecimentos de língua inglesa, francesa e espanhola.

3.2 — Estar habilitado com Licenciatura em Serviço Social, não havendo
possibilidade de substituição do nível habilitacional por formação
ou experiência profissional.

4 — O recrutamento é aberto aos trabalhadores com relação jurídica
de emprego público por tempo indeterminado previamente estabelecida.
De acordo com Despacho do Reitor da Universidade Técnica de Lisboa,
de 18 de Novembro de 2009, em caso de impossibilidade de todos ou de
alguns postos de trabalho de entre aqueles trabalhadores, é igualmente
aberto a trabalhadores com relação jurídica de emprego público por
tempo determinado, determinável ou sem relação jurídica de emprego
público previamente estabelecida, sem prejuízo do disposto no n.º 4 do
artigo 6.º da Lei n.º 12 -A/2008, de 27 de Fevereiro.

6.1 — Prazo: 10 dias úteis a contar da data da publicação do presente
aviso no Diário da República, nos termos do artigo 26.º da Portaria
n.º 83 -A/2009 de 22 de Janeiro.
6.2 — Forma: As candidaturas deverão ser formalizadas, obrigatoriamente,
mediante preenchimento de formulário tipo, e envio dos
anexos nele referidos, aprovado por despacho de 17 de Março de 2009,
do Ministro de Estado e das Finanças, disponível no Departamento de
Gestão de Recursos Humanos, sito na Rua da Junqueira, n.º 86, 1349 -025
Lisboa, ou na página electrónica podendo ser entregue
pessoalmente no Sector de Expediente, remetidas por correio registado
com aviso de recepção, na morada acima indicada, ou ainda, por correio
electrónico, através do endereço dgrh@reitoria.utl.pt.

7 — Métodos de selecção obrigatórios (nos termos dos artigos 53.º
da Lei n.º 12 -A/2008 e 6.º da Portaria n.º 83 -A/2009):
a) Prova de conhecimentos — destinada a avaliar os conhecimentos
académicos, profissionais e competências técnicas, dos candidatos,
necessárias ao exercício da função;
b) Avaliação psicológica — destinada a avaliar se, e em que medida,
os candidatos dispõem das restantes competências exigíveis ao exercício
da função.
Relativamente aos candidatos que, cumulativamente, sejam titulares
da categoria e se encontrem ou, tratando -se de candidatos colocados
em situação de mobilidade especial, se tenham por último encontrado,
a cumprir ou a executar a actividade caracterizadora do posto de trabalho
para cuja ocupação o presente procedimento foi publicitado, os métodos
de selecção a utilizar no seu recrutamento são os seguintes:
c) Avaliação curricular — incidente sobre as funções que os candidatos
têm desempenhado na categoria e no cumprimento ou execução da
actividade em causa e o nível de desempenho nelas alcançado; e
d) Entrevista de avaliação das competências exigíveis ao exercício
da função.

Ver no: http://dre.pt/pdfgratis2s/2009/11/2S231A0000S00.pdf

Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum